Novo teste para diagnosticar alcoolismo é criado por pesquisadores

Com base nos resultados das perguntas e da comprovação médica de que as pessoas eram alcoólicas, os pesquisadores da Universidade de Leicester, na Inglaterra,  concluíram que era possível, em 87% dos casos, diagnosticar corretamente a doença através de duas perguntas:

1) Com que frequência você costuma beber seis ou mais copos, taças ou doses de bebida alcoólica numa mesma ocasião?

2) Ao longo do último ano, você se arrependeu de ter feito alguma coisa depois de beber?

“Isso é um avanço muito importante, quando a gente sabe que o álcool mata a cada ano 3,3 milhões de pessoas ao redor do mundo. É a principal causa de morte, mais do que Aids, tuberculose e violência juntos”, destaca a comentarista de atualidades Joana Calmon.

Vale lembrar que às vezes o próprio alcoolista não reconhece que está exagerando no consumo de bebidas alcoólicas, portanto, outras formas de diagnóstico também não devem ser descartadas.

Fonte.: Globo News via Alcoolismo Online